/

lyrics

A minha habitação
está cheia de muralhas
eu guardo o telefone
num caixão indecifrável
quando vem a ocasião
saio fora ver a noite
mas quase sempre estou
agachado no meu loft
meus vizinhos eu que sei
parecem gente boa
fizeram como eu
investiram em T Rowe
armários digitais
paredes eletrónicas
a vida singular
é realmente muito agónica


vejo flores muito ao longe
vejo monos arredor
estamos numa cúpula
na selva do PSOE
ei, bunker popular
ei, bunker populista
na América Latina
sempre foram felipistas
não há exploração
não há exploração
o único que existe
são os ricos e as empresas
o génio americano
o esforço alemão
a dívida sincrética
dos bancos orientais

~~ ~~ ~~

folhas, folhas, folhas, folhas
estou perdido nas reminiscências
ei
não sei quem sou
saio fora e fico andando neste espaço imenso à sombra dos avanços do engenheiro chefe da Espanha
à chuva
pisando folhas
num clima novo
que pensavas?
quanta chuva podes arrancar da alma
corpos
pedagogos
nações falidas
a meia noite faz um clique no cérebro do transporte metropolitano
anacondas vivas
serengueti simulado
variações
discotecas
amor reconstruído
estou sondando um rio exótico e selvagem através dos meus sentidos

~~ ~~ ~~

me sento no exterior
do meu quarto amuralhado
justo quando sai o sol
neste verão simulado
com o meu iPhone 16
conectado bem profundo
aguardo algum update
do futuro nanomundo
não há limitações
não há limitações
com olhos 100k
multiplicas a visão
eu me lembro de meus pais
eram pura troglofauna
sofrendo a escravidão
da sua mente ultrapassada

credits

from NATIVOS DIGITAIS (mixtape), released March 15, 2017

tags

tags: pop Quins

license

all rights reserved

about

Emilio José Quins, Spain

Fã de Hawaii Five-0, Germaine Tailleferre, Tsai Ming-liang, Diane di Prima, Giacomo Puccini, Shabazz Palaces e Frére Dupont.

contact / help

Contact Emilio José

Streaming and
Download help